Custo Fixo ou Variável ?


Não sei quanto a vocês, mas eu sou contra o custo fixo, ele toma parte do nosso salário todo mês e pior, usando ou não o serviço a que este custo representa ele é cobrado assim mesmo. Mas o que é realmente o custo fixo? O melhor (ou pior) exemplo é o telefone! Seja fixo ou celular todo mês você tem que pagar a “mensalidade” pra ficar sócio do clube do telefone. Não precisa utilizar nenhuma vez no mês mas tá lá a cobrança, se usar algo fora do “normal” ainda é cobrado a mais, como por exemplo um interurbano. As empresas alegam a manutenção e tal, mas faz sentido pagar por algo que não utiliza? Por isso até hoje tenho celular pré-pago, que embora pareça custo variável, pois eu só compro crédito se for utilizar, com o vencimento deles acabo perdendo dinheiro e não posso demorar muito a colocar mais créditos senão perco a linha! No telefone fixo então? Ainda bem que achei um plano da minha operadora que acho um pouco mais justo: franquia de reais para utilizar em qualquer gasto seja local, interurbano ou celular e não de minutos (franquia mínima tradicional nunca era utilizada totalmente).
Nos investimentos também temos os custos fixos: nas ações a famigerada custódia, que felizmente muitas corretoras isentam o cliente caso opere no mês. Pra mim a corretagem é mais que suficiente, muito mais quando você só usa o homebroker da corretora. Aqueles tantos tipos análises e informações mais atrapalham quem ajudam, mas aí é assunto para outra coluna. Os fundos também tem o seu custo, a famosa taxa de administração, que agora, com os juros mais baixos, tem feito abater significativamente a rentabilidade.
Resumindo, evite ao máximo os custos fixos, e se for possível transforme-os em variáveis, como no caso do celular por exemplo. Claro que se você é um “ligador” devido a sua profissão, por exemplo, vale a pena pagar menos pelas ligações. Faça as contas e projete o resultado no futuro (um ano) para ver qual a vantagem de um ou outro caso. Veja se não tem um plano mais adequado para você na sua operadora ou na concorrente (use a portabilidade). Só não vale ficar parado pagando o que não usa. Aliás, você não tem alguma assinatura ou cartão que pode ser cancelado? As suas finanças agradecem!

Anúncios

One response to this post.

  1. Posted by Antonio Alves on outubro 26, 2010 at 8:14 pm

    Aproveito todo tipo de fidelidade para não pagar mensalidade de banco por exemplo (escolho os melhores investimentos do banco pra ganhar a isenção do pacote de tarifas).

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: